Já estamos na metade de 2013, sumi do blog (mais uma vez) desde dezembro e, como sempre, tenho as minhas desculpas para isso: no final do ano passado, depois de muita luta, finalmente assinei o contrato da compra de minha casa própria! Não foi nada fácil, já tinha escrito aqui da desilusão quando achei que ia dar errado, mas conseguimos realizar esse sonho. Fechamos com chave de ouro o ano de 2012, que nos proporcionara momentos bons e ruins.

2013 de casa nova!

2013 de casa nova!

O mês de janeiro foi aquela correria com as vistorias da casa, a compra das coisas que estavam faltando – um pouco de cada vez – e, em 23 de fevereiro, finalmente nos mudamos! Não dá nem para explicar a sensação maravilhosa quando colocamos todos os nossos pertences dentro da casa, fechamos a porta e falamos: é nossa! A ficha demorou a cair, confesso. E haja bagunça! Construção de muro nos fundos da casa (nossa casa fica em um condomínio fechado, no padrão americano, originalmente sem muros na frente e nos fundos, mas a gente fecha no fundo para delimitar o espaço, ter privacidade e, quando tiver $, ampliar a casa), montagem dos móveis planejados da cozinha e banheiro e, aos poucos, nosso cantinho foi ficando mais com a nossa cara. Ainda não está pronto: temos algumas paredes para colorir, várias bugigangas ainda sem lugar, uns poucos móveis para reformar e… Um bebê a caminho!

Sim, esta é a outra novidade de 2013, além da casa! Não foi algo que planejamos, pois nossa intenção era organizar a casa este ano, no próximo ano comprar um carro e, daí sim, começar as tentativas para engravidar. Sabe aquela história de que as coisas acontecem em seu próprio tempo, e não quando queremos? Pois é, ela se mostrou verdadeira para nós. Leia o resto deste post »