Como disse no meu post de retorno, publicado em março, vou escrever também sobre outros assuntos que me interessam além de trabalho – afinal, todos nós, mesmo os workaholics assumidos, merecemos uma pausa de vez em quando!

E o que eu mais gosto de fazer para relaxar é… LER! Fico absolutamente perturbada sem um livro por perto. É uma loucura que beira o vício, como já escrevi neste outro blog. Leio DE TUDO, desde literatura de mulherzinha (pode torcer o nariz, mas A-D-O-R-O os livros da Marian Keyes, Candace Bushnell, Lauren Weisberger e Sophie Kinsella, eles são perfeitos para aqueles momentos em que precisamos abstrair da realidade e ler algo só para entreter), ficção, poesia, auto-ajuda, clássicos e técnicos. Não desprezo nada!

Mas para este post selecionei alguns que li recentemente e que valem a pena!

  • O Monge e o Executivo – James C. Hunter

Este é clássico e muito conhecido, há um bom tempo figura nas listas dos mais vendidos. Se você ocupa um cargo de liderança e lida com pessoas, a leitura é indispensável, pois este livro traz lições inteligentes e práticas sobre a essência da liderança. Consegue ser didático sem ser chato nem piegas.

  • A Cabana – William P. Young

Outro que emplacou na lista dos mais vendidos. Esta ficção conta a história de um homem que, após sua filha caçula ser raptada e brutalmente assassinada, perde a fé e convive diariamente com o que chama de Grande Tristeza. Um dia, recebe um bilhete supostamente escrito por Deus e vai a seu encontro na cabana onde o crime foi praticado. A partir daí, seguem-se várias lições sobre amor, fé, perdão, dentre outras, que nos fazem refletir sobre Deus. O ponto alto do livro, para mim, consiste no fato de ele não levantar a bandeira de nenhuma religião. Uma leitura que vale a pena até mesmo para ateus.

Dentre os livros que estou lendo no momento, destaco “Caim”, a última obra de José Saramago. Assim que finalizá-lo, deixo aqui meu comentário.

Uma excelente semana a todos!

Até logo!

Anúncios